Tuesday, April 24, 2007

céu tranquilo...


Um corvo voava pelos ares segurando no bico um magnífico pedaço de carne. De súbito abeirou-se dele um bando de corvos famintos que o atacaram furiosamente a fim de lhe roubarem a comida.
O corvo acabou por largar o pedaço de carne fugindo para longe, enquanto todos os outros se atiravam esganiçadamente sobre a comida.

O corvo continuou o seu caminho pensando para si mesmo "Que maravilha.... Perdi a carne, mas ganhei um magnífico céu tranquilo".

contou Anthony de Mello

8 comments:

ana maria said...

Ora aqui está uma bela perspectiva das coisas!

Quantas vezes não temos o discernimento daquele corvo...Lutamos por causas perdidas, só por teimosia, perdendo as causas e ainda a capacidade de ver o outro lado dos acontecimentos, o qual, quase sempre, é uma boa surpresa!

Beijinho!

ana maria said...

Já agora... adorei o "Pássaro da Alma"...

Belíssimo!

Creio, porém, que a alma existe antes do nosso nascimento físico, criada por Deus, sonhada pelos pais...

Miguel said...

...ou a valorização do que se tem em deterimento daquilo que se não tem, ou o outro lado da moeda, ou a importancia do alimento para a alma...

J said...

Xana,

é muito complicado para mim ter a serenidade e calma do corvo, tenho que apreender a ver o outro lado dos acontecimentos, e tirar sempre algo de bom.

Um grande beijinho e Obrigado pelo post

xana said...

ana maria,

acredito que os pássaros da alma que habitam dentro de cada um de nós, comuniquem uns com os outros, mesmo em silêncio, sem que notemos...
E por isso, talvez por isso, é que eu já sabia que tu irias gostar do texto..
Disse-me o meu pássaro da alma!...
;)
... Olha, oncordo contigo..acerca da existência da alma antes ainda do nosso nascimento físico...
.. de facto.. tão grande e tão profundo este conceito é...
Insondáveis..as origens da alma...
...
E...
merci pelo teu ponto de vista, também em relação ao "céu tranquilo"...
Como diz a joana, mais abaixo, é toda uma aprendizagem a fazer...
Despertando em cada dia para mais uma grande e nova oportunidade: a de aprendermos a usar esse discernimento de que falavas...
Um abraço imenso para ti.. cheio de..digamos..Alma !!!




Miguel, meu bom Miguel.....

...isso!Ou o que verdadeiramente nos faz crescer, nos move e faz viver e aprender a ser feliz, mesmo apesar do que nos rodeia...
Um abraço.
Devo-te um mail. Vou fazê-lo já a seguir! ;)



joaninha...

tinha saudades já!
É mesmo, concordo profundamente com o verbo que utilizas:"apreender". É toda uma aprendizagem que está sempre ao nosso alcance e que importa interiorizar, isto é, trazer para o nosso interior e viver assim com ela, viver nela, através dela, transformando também assim o exterior. Isso traduz-se depois quase sempre numa atitude de calma e quietude perante a "os corvos atacantes"
Certo?
E mil abraços para ti!

malu said...

Só o título do post já valia Xana.

A vida é feita de opções. Olhando o quadro no geral, acho que sempre optaria pelo pedaço de céu tranquilo. Afinal, e resumindo, acho que é por isso que são todas as minhas lutas.

Um grande bj.

xana said...
This comment has been removed by the author.
xana said...

Malu, olá!

bonito, isso o que disseste.
Tem, então, uma tarde tranquila! Um céu imenso para ti!
De Paz e de Bem.